Imagem
Foto/Imagem Divulgação

III Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente é realizada em Luís Eduardo Magalhães

Cidadania

Aconteceu na manhã e tarde da quarta-feira (28), no auditório do SENAR, a III Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. O evento promovido pela Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães, por meio da Secretaria de Trabalho e Assistência Social e em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), teve como principal objetivo debater, avaliar e deliberar as prioridades para a política nacional de atendimento dos direitos da criança e do adolescente.

Para o secretário de Trabalho e Assistência Social e presidente do CMDCA, Fábio Rocha, a conferência é uma das melhores formas de engajar a população a participar e contribuir para o aperfeiçoamento das politicas públicas voltadas para as crianças e os adolescentes no município.

“Casos de trabalho infantil, abuso sexual, abandono de incapaz, violência física, drogas, entre outras mazelas que atingem as nossas crianças e adolescentes, esse é o momento de você se perguntar: o que eu posso fazer para mudar essa situação? Esse é o momento da população se engajar e contribuir com o poder público dizendo: eu acredito que o caminho pode ser esse! Minha proposta é essa! Hoje é o dia que você pode fazer a diferença e mudar a nossa sociedade”, comentou em seu discurso o secretário Fábio Rocha.

Para o secretário de Segurança, Ordem Pública e Trânsito, Daniel Alvarez, que na oportunidade representou o prefeito Oziel Oliveira no evento, é necessário que os órgãos públicos continuem trabalhando em rede para seguir forte na luta contra a violência e a proteção integral das crianças e adolescentes no município.

“Nenhuma criança nasce delinquente. As crianças nascem puras! As crianças e adolescentes que se tornam traficantes, por exemplo, é por culpa dos desajustes sociais que existem e dos homens corrompidos que ensinam a maldade para elas. São essas pessoas que nós precisamos combater todos os dias, pois a responsabilidade é nossa e de todos nós! Por conta disso, nós precisamos continuar trabalhando em rede: Conselho Tutelar, CMDCA, Assistência Social, Educação e Segurança. Todos unidos para proteger e cuidar das nossas crianças e adolescentes”, frisou Daniel.

A palestrante convidada Antônia Luzia Silva Santos, apresentou a proposta da III Conferência Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente, que este ano teve cinco eixos temáticos que trataram sobre a garantia dos direitos e políticas públicas integradas e de inclusão social; a prevenção e o enfrentamento da violência; orçamento e financiamento das políticas; participação, comunicação social e o protagonismo de crianças e adolescentes e espaços de gestão e controle social das políticas públicas de crianças e adolescentes.

Também participaram da conferência o secretário de Educação, Leandro Santos; a coordenadora do Conselho Tutelar, Shirley Bernardes; a representante do Núcleo de Cidadania dos Adolescentes (NUCA), Giselly Aquino Medeiros, representantes da sociedade civil e profissionais que atuam no sistema de garantia de direitos da criança e do adolescente em Luís Eduardo Magalhães.

Fonte:Ascom Prefeitura Municipal LEM


Compartilhar esta notícia

Notícias Relacionadas

0 comentário(s)

Faça o seu login ou cadastre-se para comentar!